México enfrenta a disputa do NAFTA sem ministros e precedida por novas ameaças

Jogue em casa, mas o México não parece ter facilidade para conseguir avanços que o beneficiem nesta quinta rodada de negociações do NAFTA que começa hoje na Cidade do México com os EUA. desafiador e em que os ministros não participarão.

México, 17 de novembro (EFE) .- Jogue em casa, mas o México não parece ter facilidade para alcançar o progresso que irá beneficiar você nesta quinta rodada de negociações do NAFTA que começa hoje na Cidade de México com EUA 1994, entre o México, os Estados Unidos e o Canadá, não parece fugir muito das reuniões anteriores.

Conforme relatado pelo Ministério da Economia do México, procurará avançar no propostas já apresentadas pelos três parceiros.

Pela primeira vez, os ministros não participarão, fato que eles atribuem a um acordo conjunto para que os negociadores possam " Continue avançando nos capítulos-chave "abordados na reunião anterior em Washington.

Haverá 30 grupos técnicos que analisarão" propostas apresentadas "com antecedência e notificarão seus respectivos governos.

No papel parece haver muitas alterações. difícil.

Na ausência de progresso, foi decidido estender o período entre rodadas, estendendo o encerramento previsível das negociações até março de 2018.

Apenas esta semana, o secretário de O Comércio dos Estados Unidos, Wilbur Ross, advertiu que a ruptura do NAFTA seria especialmente "devastadora" para o México e pediu que o país latino-americano e o Canadá "entram em seus sentidos" e aceitar um novo pacto.

O fim do NAFTA "seria muito mais prejudicial para eles do que para nós", disse ele com dureza.

O ministro mexicano da Economia, Ildefonso Guajardo, respondeu Um dia depois, lembrando que muitas áreas dos Estados Unidos, com fortes relações comerciais com o México, seriam afetadas por um eventual cancelamento do tratado.

Como em outros Em ocasiões, ele optou por uma vitória de ganha-ganha que beneficiaria as três nações, mas também era claro: "Ninguém em sua mente correta pode descartar a possibilidade de um desentendimento e, portanto, temos que estar prontos para todos os cenários.

O presidente do Conselho de Coordenação Empresarial (CCE), Juan Pablo Castañón, disse a Efe que os empregadores esperam progresso em "questões "anteriormente discutido e o fechamento de capítulos importantes, como serviços financeiros, energia ou comércio eletrônico.

Mas o presidente desta organização, que é parte do chamado "quarto de conjunto", que acompanha a equipe de negociação mexicana, reconheceu que há problemas em que parece que "não há margem de manobra".

Estes estão no avião automotivo, têxtil, agrícola e resolução de litígios, onde há solicitações "intransitáveis", disse o líder do empregador.

Estados Unidos exige aumentar a quota de produtos manufaturados no país, especialmente no setor automotivo, um elemento-chave do pacto comercial.

Também se comprometeu a implementar a cláusula "sunset", que obrigaria a rever este tratado em força desde 1994 a cada cinco anos e faria com que ele fosse suspenso se algum dos seus três membros não concordasse em estendê-lo.

Em princípio, as negociações serão prorrogadas até Março de 2018, meses antes das eleições presidenciais no México, em julho próximo.

Isso aumenta a pressão contra os homólogos, especialmente o México, que pode mudar a direção política nas próximas eleições.

"Eu acho que você tem que continuar assistindo a base de negociação e vamos ver se ele pode ser resolvido antes de março, como negociadores têm sido propostas. Ainda muito prematuro para avançar ", disse Castañón.

Enquanto isso, o setor comercial e comercial mexicano, muito dependente das exportações para os EUA, continua em suspenso.

Além disso, o a incerteza continua a afetar o peso, que leva semanas com 19 unidades por dólar e balança ao ritmo das declarações cruzadas.

Se nesta quarta-feira depreciou 0,94% até fechando em 19,33 pesos por dólar no interbancário, na quinta feira aumentou 1,35% para 19,07.

EUR/USD

EURUSD=X

1.1747 0,00 -0,24%
USD/CHF

CHF=X

0.9581 0,00 -0,09%
GBP/USD

GBPUSD=X

1.3067 -0,02 -1,54%
USD/JPY

JPY=X

112.5670 +0,09 +0,08%
USD/CNH

CNH=X

6.8451 +0,01 +0,15%
USD/CAD

CAD=X

1.2912 +0,00 +0,06%
IBEX 35

^IBEX

9590.40 +6,70 +0,07%
IBEX MEDIUM..

INDC.MC

15377.30 -38,40 -0,25%
IBEX SMALL ..

INDS.MC

7490.80 +5,90 +0,08%
IBEX TOP DI..

INDD.MC

3047.90 +1,80 +0,06%
FTSE LATIBE..

INDB.MC

1249.20 +9,20 +0,74%
FTSE LATIBE..

INDL.MC

8444.10 +226,10 +2,75%
Abertis Inf..

ABE.MC

18.36 +0,00 +0,00%
Actividades..

ACS.MC

37.83 +1,03 +2,80%
Acerinox, S..

ACX.MC

12.24 -0,03 -0,24%
AENA, S.A.

AENA.MC

150.45 +4,75 +3,26%
Amadeus IT ..

AMS.MC

78.26 +0,46 +0,59%
Acciona, S...

ANA.MC

75.86 -0,12 -0,16%
Financial S..

XLF

28.74 -0,11 -0,39%
VanEck Vect..

GDX

18.78 -0,15 -0,79%
SPDR S&P 50..

SPY

291.99 -0,22 -0,07%
Vanguard FT..

VWO

41.80 +0,17 +0,41%
Direxion Da..

TZA

8.24 +0,12 +1,48%
Utilities S..

XLU

53.06 +0,22 +0,43%